Buscar
  • Séries Favoritas

Crítica: 'Reality Z' é divertida com roteiro fraco e situações óbvias demais

Autor: Daniel Morales

Ter uma série brasileira na Netflix é algo muito bom para o cinema e até para as séries. Isso porque a plataforma de streaming dá uma visibilidade ao produto brasileiro lá fora que acaba sendo extremamente importante para a cultura brasileira. Mas com 'Reality Z' não. Não por ser brasileira, mas por ser uma obra inglesa adaptada aos padrões brasileiros.


A série é a versão brasileira da minissérie britânica Dead Set. É uma produção de temática zumbi na qual acompanhamos a chegada dos mortos-vivos e o posterior apocalipse pelo ponto de vista de participantes de um reality show e do pessoal da equipe técnica do programa e demais sobreviventes que se refugiam no estúdio de TV. A versão britânica foi criada por Charlie Brooker, de Black Mirror, que fez um relativo sucesso e que é sempre lembrado pelos amantes do gênero.


A adaptação brasileira pega os moldes do Big Brother Brasil, mas que aqui não ganha esse nome justamente pelo nome ser de propriedade da Endemol e da Rede Globo. Aqui ganha o nome de Olimpo. E Reality Z, o Rio de Janeiro e o mundo, é tomado por zumbis. Até aí, bem legal. A ideia bem interessante e adaptada para os nossos padrões acabou sendo uma sacada bem interessante.


Sabrina Sato faz uma pequena participação como a apresentadora do Olimpo. Logo em seguida, os zumbis chegam lá, levando os participantes e o produtor-mor do programa, Brandão (Guilherme Weber), a se isolarem no estúdio. A criadora do programa e seu filho (Carla Ribas e Ravel Andrade) saem em jornada pela cidade a caminho do estúdio, um lugar onde poderão estar a salvo, e acabam levando junto um deputado corrupto (Emílio de Melo) e seus acompanhantes.


A maquiagem, o cenário e até o elenco vão muito bem, obrigado. Não deixam a desejar inclusive para produções americanas como 'The Walking Dead', porém o desenvolvimento do roteiro e algumas situações óbvias acabam sendo extremamente prejudiciais para a série. Os episódios não se desenvolvem bem. A história até que tem um início promissor, mas logo cansa já que não vai pra frente. As obviedades e fazem com que a história canse bastante.


Acho que a ideia da série ser brasileira foi muito boa, mas adaptar algo de fora para os nossos padrões não foi legal. Faltou uma ideia brasileira, com pitadas nossas e um resultado que agrada até mesmo a nós mesmos. Infelizmente é uma série que não vai pra frente, com situações bem caricatas e cheias de sem vontade de ver novamente. Uma pena!


Nota: 5,0




0 visualização
  • YouTube - Círculo Branco

© 2020 Séries Favoritas. Todos os direitos reservados.

Copyright: 2015 - 2020