Buscar
  • Séries Favoritas

'Lindinhas' | Cineastas franceses criticam governo dos EUA e do Brasil por censura


Os cineastas e parte da imprensa da França resolveram partir pro ataque após políticos conservadores dos EUA e Brasil, além de outros países, ameaçarem o filme 'Lindinhas' (Mignonnes) com investigações criminais e censura.


A diretora Maïmouna Doucouré e a Netflix destacam que o objetivo do filme é justamente denunciar a sexualização das crianças. "Este filme produzido na França, e posteriormente comprado pela Netflix para veiculação nos Estados Unidos, é emblemático da indispensável liberdade de expressão que o cinema, em toda a sua diversidade, necessita para abordar questões incômodas e, portanto, necessárias para o exercício da democracia", declarou a Authors, Filmmakers and Producers (ARP) em um comunicado.


"A polêmica começou com o pôster [...] O mais importante é ver o filme para entender que estamos na mesma luta", disse Doucouré, citada nesta segunda-feira pela revista americana Variety.


O filme, premiado no American Sundance Festival, conta a história de Amy, uma parisiense de 11 anos que deve transitar entre as regras rígidas de sua família senegalesa e a tirania da aparência nas redes sociais, a que está exposta jovens de sua idade. Amy faz parte de um grupo de dança formado por outras três garotas de seu bairro, cujas coreografias às vezes são sugestivas, como as de muitas estrelas da música pop da atualidade.



10 visualizações
  • YouTube - Círculo Branco

© 2020 Séries Favoritas. Todos os direitos reservados.

Copyright: 2015 - 2020