Buscar
  • Séries Favoritas

Warner afirma que Ray Fisher não colabora com investigação


Depois de ser duramente criticada pelo ator Ray Fisher, a Warnermedia resolveu fazer um comunicado acusando o ator de "não colaborar" com as investigações do estúdio pelos comportamentos abusivos do diretor Joss Whedon em "Liga da Justiça".


Na declaração, a WarnerMedia disse que está em contato com o ator desde o começo de julho, quando ele postou no Twitter acusando Whedon de agir de maneira "nojenta, abusiva, não profissional e inaceitável" no set de "Liga". Segundo o estúdio, o intérprete do herói Ciborgue e o presidente da DC Films, Walter Hamada, tiveram uma primeira conversa por telefone, em que Fisher recontou episódios que a WarnerMedia definiu apenas como "diferenças criativas" entre ele e Whedon.


"Embora o Sr. Fisher não tenha citado nenhum episódio de conduta realmente passível de punição, a WarnerMedia começou uma investigação sobre as suas denúncias. Ainda insatisfeito, o Sr. Fisher insistiu que a WarnerMedia contratasse um investigador de fora do estúdio para garantir imparcialidade. Este investigador já tentou múltiplas vezes se encontrar com o Sr. Fisher para discutir as suas acusações, mas ele recusou os convites."


Whedon foi acusado de postura abusiva no set de Liga da Justiça, filme da DC de 2017 no qual entrou para o posto de diretor após a saída de Zack Snyder. Segundo as primeiras falas de Fisher, "o tratamento que Joss Whedon deu ao elenco e à equipe no set de Liga da Justiça foi nojento, abusivo, antiprofissional e completamente inaceitável.

34 visualizações
  • YouTube - Círculo Branco

© 2020 Séries Favoritas. Todos os direitos reservados.

Copyright: 2015 - 2020