'The Walking Dead' | A guerra entre Rick e Negan marca a estreia da oitava temporada

© 2019 Séries Favoritas. Todos os direitos reservados.

Contato: sfavoritas@gmail.com

Copyright: 2015 - 2020

SIGA-NOS

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Séries Favoritas YouTube
  • Instagram Social Icon
  • LinkedIn ícone social

'The Walking Dead' | A guerra entre Rick e Negan marca a estreia da oitava temporada

21.10.2017

 

 

A nova temporada de 'The Walking Dead' estreia neste domingo cercada de novidades. Além de fazer uma megamaratona para os fãs se lembrarem de muitos episódios e até para se prepararem para o que vem por aí, o primeiro episódio vai mostrar uma temporada pra lá de emocionante. Pelo menos são o que os críticos divulgaram assim que tiveram acesso

 

"A temporada vai ser toda sobre o confronto entre dois grupos [o de Rick contra o de Negan]. Eles vão lutar com tudo. E Daryl vai ser capaz de qualquer coisa, até será meio traiçoeiro, porque deseja se vingar", revela Norman Reedus, o Daryl.

 

A série entra também em seu centésimo episódio. Em entrevista para a Variety, Greg Nicotero conta que o centésimo episódio da série – que coincidentemente, é o primeiro dessa temporada – é como uma carta de amor a todos os fãs, com cenas lembrando temporadas passadas.

 

"Provavelmente tem duas ou três sequências no primeiro episódio que eu particularmente, estava muito animado para fazer porque as pessoas vão reconhecerem instantaneamente. É como uma carta de agradecimento aos fãs que estiveram com a gente esse tempo todo, que referencia pequenas coisinhas aqui e ali [das temporadas anteriores]. Algumas delas são meio óbvias, mas outras são bem sutis."

 

Para quem acompanhou a 7ª temporada da trama, a guerra que está por vir não é novidade. E os atores já estão começando a falar sobre essa próxima etapa. O ator Ross Marquand, intérprete de Aaron, por exemplo, comparou a oitava temporada com o filme Duro de Matar.

Em entrevista à revista americana Entertainment Weekly, o astro conta um pouco sobre o que está por vir: "Os quatro ou cinco primeiros episódios são como esses mini filmes de ação, cada um deles. É muito animador para mim porque sou um grande fã do gênero, especialmente da franquia Duro de Matar, e têm momentos parecidos com esses filmes na temporada", comentou.

Ross continua com os detalhes: "Há momentos em que a ação é muito realista e cheia de nuances. Acho que conseguimos encontrar um balanço entre os elementos de fantasia da nossa trama e esses outros momentos de realismo, sem esquecer de mensagens fortes para a reflexão dos espectadores e para preenchimento dos quebra-cabeças”, alerta.

 

Chandler Riggs, que interpreta Carl, revelou que a comunidade está pronta para fazer sacrifícios na nova temporada. Questionado sobre o relacionamento entre Rick e Carl em meio a guerra, ele respondeu: "Me lembra uma cena deletada do final da última temporada em que Carl, Rick e Michonne falavam se Rick teria força de vontade de cortar o braço de Carl a esta altura, agora que eles tiveram mais experiência com os Salvadores. E eles concluem que fariam o que fosse necessário para atingir o bem maior - não para eles, mas para a comunidade, Kingdom, Hilltop e todo mundo. Se eles tiverem que fazer sacrifícios - seja uma mão, uma pessoa ou qualquer outra coisa - eles estão dispostos a fazê-lo".

 

Rick (Andrew Lincoln) uniu forças com novos aliados, abriu fogo contra os capangas de Negan (Jeffrey Dean Morgan) e deixou um recado bem claro: só haverá paz quando o líder dos Salvadores estiver morto e o império construído pelo grupo ruir.

 

O fato é que TWD precisa surpreender. E para a estreia da nova temporada, que contará com 16 episódios, os produtores já prometeram um tributo a cenas clássicas do seriado. É esperar pra ver. 

 

 

Please reload